Siga-me no Twitter em @vascofurtado

terça-feira, 21 de agosto de 2007

Eu Me Importo com o Piauí!

"Não se pode achar que o país é um Piauí, no sentido de tanto faz quanto tanto fez. Se o Piauí deixar de existir ninguém vai ficar chateado". Esta frase do presidente da Philips para a América Latina e um dos líderes do movimento “cansei” quando de sua manifestação sobre esta campanha é merecedora de várias reflexões. Primeiro, ela serve para tornar o movimento mais atabalhoado ainda. Não bastasse a temática de indignação inoperante que já tinha acusado em textos anteriores (clique aqui para acessar), ela representa uma visão preconceituosa e elitista que faz um imenso mal ao País. Já tinha tido oportunidade, neste blog, de escrever sobre o malvado estereótipo que persegue os piauienses (clique aqui para acessar o texto), principalmente em função de seu clima extremo. Dito por um alto dirigente de uma multinacional, essa frase é ainda mais deslocada. Aliás, a vinculação do nome da multinacional a uma campanha como essa é extremamente duvidosa. Não consigo entender como o staff da holding deixou essa vinculação ocorrer. Reações negativas do povo piauiense levaram a um boicote (veja um blog sobre o tema clicando aqui ). Considerado o quinto maior cliente da marca 'Philips', o Grupo Claudino, através do Armazém Paraíba aderiu à campanha de boicote aos produtos da Philips. Não se trata de querer aqui enumerar as riquezas naturais ou econômicas do Estado. Trata-se simplesmente de respeitar àqueles que lá vivem e que certamente por terem criado suas raízes tem do que se orgulhar da sua terra. O mínimo que nos cabe fazer é respeitá-los. De qualquer forma em nome de tantos amigos e conhecidos piauienses, me sinto na obrigação de dizer: eu ficaria chateado, sim, se o Piauí deixasse de existir.

5 comentários:

Leonardo Ayres disse...

E o Paulo Zottolo parece que vai ser demitido depois dessa.
Segue link:
http://www.portalaz.com.br/noticia/geral/82442

E um link para os que acham que o Piaui nao faz falta:

http://www.portalaz.com.br/noticia/geral/82144

Anônimo disse...

Piaui e mo paia...

Anônimo disse...

so presta por causa do delta da parnaíba e mesmo assim...

Anônimo disse...

eu não me importo com o Piauí...MAS REPUDIO ALTITUDES ELITISTAS esse cara merece mesmo ser demitido não sabe liderar não sei como a phillips tem um "lider" desse...

Victor Martins disse...

Olha, eu vi na Época o comentário dele. Olha.. que comentáriozinho mais infeliz o desse Paulo Zottolo... Sinceremente, podem de chamar do que for, mas eu fiquei realmente indignado. Piauí pode ser o que for, aliás, mesmo se o comentário tivesse sido direcionado a qualquer estado, até cidade, por mais humilde, desconhecido(a) ou qualquer coisa que seja, ainda assim seria um comentário infeliz, desrespeitoso e, pelo menos para mim, revoltante. Tudo faz parte do Brasil, e deve ser respeitado. Eu me importo com o Piauí, e, claro, me preoupo mais ainda com o Brasil, e "ainda mais ainda" com o Ceará, e quando um melhora os outros melhoram.

Com relação a Paulo Zottolo estou revoltado, agora com relação a Phillips estou infeliz. É como se a Phillips tivesse feito o comentário indiretamente. Eu admiro a empresa e por isso fico triste.

Espero, realmente, que a Phillips demita o dono do comentário, tenho certeza que alguem com uma visão melhor de país, do papel de cada estado, da importancia da integração nacional, tem muito mais condições de liderar um empresa do tamanho e da importancia da Phillips aqui no Brasil.